A OAB-RJ realizou, nesta segunda-feira (28), o I Encontro Estadual das Comissões da Verdade da Escravidão Negra no Brasil, que reuniu representantes de diversas subseções. O objetivo do encontro foi traçar estratégias em torno da questão da reparação. No mesmo dia, também foram realizados o I Encontro da Diretoria de Igualdade Racial e das Comissões de Igualdade Racial da OAB-RJ e o 3º Seminário Regional da Comissão Nacional de Promoção da Igualdade do Conselho Federal da OAB de Rio, Minas Gerais, Espírito Santo e de São Paulo. Este último foi preparatório para a Conferência Nacional da Advocacia Brasileira, que ocorrerá em outubro de 2020.

O presidente das comissões Estadual e Nacional da Verdade da Escravidão Negra no Brasil e da Comissão de Igualdade Racial do IAB, Humberto Adami, foi o responsável pela organização do encontro. Ele lançou a página do Museu Afrodigital no site da Uerj, fruto de um acordo de cooperação entre a Ordem e a universidade. “O dia de hoje foi uma verdadeira maratona, uma jornada. Já anuncio o próximo evento, no dia 12 de dezembro: uma homenagem a Esperança Garcia”, disse Adami.  

A mesa principal foi composta pelo secretário-adjunto da seccional, Fábio Nogueira; pela presidente da Comissão Nacional de Promoção da Igualdade Racial do Conselho Federal, Silvia Nascimento Cardoso Cerqueira; a presidente do Instituto dos Advogados Brasileiros (IAB), Rita Cortez; a diretora de Igualdade Racial da OABRJ, Ivone Caetano; o diretor do Centro de Documentação e Pesquisa, Aderson Bussinger; e pela primeira secretária da Cevenb, Sebastiana Fraga. Também estiveram presentes a diretora de mulheres, Marisa Gaudio, o assessor especial da presidência, Carlos André Pedrazzi, e o presidente da Comissão de Direitos Humanos e Assistência Judiciária, Álvaro Quintão.

Com informações da Assessoria de Imprensa da OAB-RJ

Fale conosco no whatsapp!