Em 2019, a Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) julgou 7.344 processos, dos quais 4.598 em sessões virtuais e 2.746 em sessões presenciais. O colegiado realizou 79 sessões, 38 delas presenciais. Os dados foram apresentados pelo presidente do colegiado, ministro Luiz Fux, no encerramento da última sessão do ano. Segundo ele, outros 176 processos estão em julgamento no Plenário Virtual e devem ser concluídos até quinta-feira (19).

Para o presidente do colegiado, a produtividade significativa é resultado da colaboração de todos os colegas. “Isso viabilizou e facilitou muitíssimo a minha presidência”, ressaltou, ao agradecer os ministros Marco Aurélio, Rosa Weber, Luís Roberto Barroso e Alexandre de Moraes, e aos servidores, jornalistas, advogados, estagiários e alunos que prestigiaram as sessões. Em nome de todos os ministros, o decano da Turma, ministro Marco Aurélio, afirmou que Fux “atuou como deve atuar o presidente, ou seja, coordenando o trabalho de iguais e como algodão entre cristais”.

Presidência feminina

O ministro Luiz Fux será sucedido pela ministra Rosa Weber, escolhida para presidir a Primeira Turma em 2020. A cada ano a Presidência das Turmas se renova pelo critério de rodízio entre os seus integrantes.

EC//CF

 

Fale conosco no whatsapp!