A uma plateia repleta de advogadas e advogados do Tocantins, o presidente da OAB Nacional, Beto Simonetti, incentivou o constante aperfeiçoamento como ferramenta para a conquista da tão almejada liberdade profissional. O discurso foi proferido durante o encerramento da 5ª Conferência da Advocacia Tocantinense, nesta sexta-feira (27/10).

“Um dos pontos-chaves para alcançarmos a verdadeira liberdade profissional é a nossa capacitação. O nosso crescimento intelectual. Investir em conhecimento, seja por meio de cursos, de leitura contínua ou de participação em eventos como este, é um dos elementos mais importantes para a construção de uma carreira de sucesso na advocacia”, declarou Simonetti.

Sobre a Conferência estadual, Beto Simonetti falou aos anfitriões, Gedeon Pitalunga e Priscila Madruga, presidente e vice-presidente da seccional, respectivamente, que o evento é o exemplo do comprometimento da OAB-TO com a qualificação de todos os profissionais que atuam no Sistema de Justiça.

Em seu discurso, ele ainda reiterou sua preocupação com a manutenção das prerrogativas da classe. “Os órgãos do Sistema OAB – das subseções ao Conselho Federal – têm todos o mesmo objetivo central: a defesa das prerrogativas e a proteção dos direitos fundamentais da cidadania.  Assegurar o pleno exercício da profissão não interessa somente a nós. Interessa, sobretudo, à cidadania brasileira”, disse o presidente do CFOAB.

 A cerimônia de encerramento da jornada de três dias de evento contou, também, com a palestra do membro do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) Marcello Terto, sobre “O acesso à Justiça e a advocacia: direitos e garantias fundamentais sob a ótica do Sistema de Justiça”.

Governadoria

Antes da solenidade, Beto Sionetti e Pitalunga participaram de uma reunião com o governador do Tocantins, Wanderlei Barbosa, para uma conversa sobre temas relacionados à cidadania. Na ocasião, Wanderlei Barbosa destacou a importância dos advogados para a sociedade. “Entendemos a importância do advogado, porque ele é fundamental para a sociedade”, afirmou.

Também participaram da reunião Priscila Madruga; o procurador-geral do estado, Kledson Moura; o secretário-chefe da Casa Civil, Deocleciano Gomes; o secretário de estado da Cidadania e Justiça, Deusiano Amorim; e outros integrantes da OAB-TO. 

Fale conosco no whatsapp!