A OAB aderiu à campanha do Novembro Azul, um movimento global que visa aumentar a conscientização sobre a saúde dos homens. Neste mês, além da iluminação especial do prédio, a logo da OAB no site terá um laço azul, símbolo internacional da campanha. A instituição busca reforçar a importância da prevenção e alertar para a importância do diagnóstico precoce.

Campanha

O Novembro Azul surgiu em 2003, na Austrália, como uma iniciativa para alertar sobre a prevenção e o diagnóstico precoce do câncer de próstata, uma das doenças que mais afetam os homens em todo o mundo. No Brasil, a campanha ganhou força e abrange não apenas o câncer de próstata, mas também outras questões de saúde masculina, como a promoção de hábitos saudáveis e a prevenção de doenças cardiovasculares.

O câncer de próstata é o segundo tipo de câncer mais incidente na população masculina em todas as regiões do país, atrás apenas dos tumores de pele não melanoma. De acordo com dados do Instituto Nacional de Câncer (INCA), no Brasil, estimam-se 71.730 novos casos de câncer de próstata por ano para o triênio 2023-2025. Atualmente, é a segunda causa de óbito por câncer nos homens, reafirmando sua importância epidemiológica no país.

A idade é o principal fator de risco para o câncer de próstata, sendo mais incidente em homens a partir dos 60 anos. Além da idade, histórico familiar e obesidade para tipos histológicos avançados, aponta-se também a exposição a agentes químicos relacionados ao trabalho, sendo responsável por 1% dos casos de câncer de próstata.

A detecção precoce dessa condição é crucial para o sucesso do tratamento.

Fale conosco no whatsapp!